"RIGOLETTO, NO PALÁCIO DAS ARTES - BH.

A Fundação Clóvis Salgado deu início à venda de ingressos para sua nova montagem operística – RIGOLETTO, de Giuseppe Verdi.

RIGOLETTO retrata uma história de corrupção política e moral, na qual todos são vilões. Essa obra deu início ao grande prestígio internacional do compositor Giuseppe Verdi. Sob direção musical e regência de Marcelo Ramos, a montagem traz ainda uma equipe especialmente selecionada para compor a encenação: direção cênica de André Heller-Lopes, cenografia de Renato Theobaldo; figurinos de Sofía Di Nunzio e iluminação de Fábio Retti.
Três personagens dominam a cena. Os barítonos Devid Cecconi (Itália) e Rodolfo Giugliani (SP) se revezam no papel do corcunda e bobo da corte Rigoletto; os tenoresGiovanni Tristacci (SP) e Jean Nardoto (DF) interpretam o aristocrata galanteador Duque de Mântua, e as sopranos Gabriella Pace (SP) e Lina Mendes(RJ), no papel de Gilda, além da participação especial de Denise de Freitas, no papel de Maddalena, que se apresentam com a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, o Coral Lírico de Minas Gerais e a Cia de Dança SESIMINAS.

Sinopse
O enredo trata das escapadas amorosas do Duque de Mântua com a cumplicidade de Rigoletto, seu bufão, que, por seu espírito cáustico e sua falta de escrúpulos, cultiva inimigos na corte. O Conde Monterone exige reparação para sua filha desonrada pelo duque quando é recebido com risos e sarcasmo pelo bufão. Monterone amaldiçoa Rigoletto que é tomado de um temor supersticioso.
Rigoletto tem uma filha, Gilda, por quem tem grande afeto e cuidados e, por isso, a mantém em estrita reclusão. Mas o Duque, sem saber de quem se trata, apaixona-se à primeira vista por ela. Ansioso por uma oportunidade de vingança, o Conde Ceprano, também vítima da língua mordaz de Rigoletto, organiza o rapto da jovem de tal modo que o bufão dele participe sem se dar conta.
Ao perceber que contribuiu para colocar a própria filha nas mãos do Duque, ele decide eliminar seu patrão e contrata para isso o malfeitor Sparafucile. Maddalena, a irmã de Sparafucile, atrai o duque a uma taberna, mas cai de amores por ele e implora ao irmão que o poupe. Ele aceita, impondo que até a meia noite chegue à taberna alguém que possa ser assassinado no lugar do Duque.
Tendo resgatado Gilda, Rigoletto leva-a à taberna para que testemunhe a inconstância do Duque e esqueça seu amor por ele. Gilda ouve a conversa em que se trama o assassinato de seu amado e, na tentativa de salvar o duque, bate à porta e é apunhalada ao entrar.
Rigoletto chega em busca do corpo que Sparafucile traz envolvido num saco. Quando está quase desfazendo-se do corpo, ouve o duque cantar. Abrindo o saco, encontra a filha moribunda.

Solistas
BARÍTONOS – PAPEL DE RIGOLETTO
Devid Cecconi - Itália e Rodolfo Giugliani - São Paulo
TENORES – PAPEL DE DUQUE DE MÂNTUA
Giovanni Tristacci - São Paulo e Jean Nardoto - Distrito Federal
SOPRANOS – PAPEL DE GILDA
Gabriella Pace - São Paulo e Lina Mendes - Rio de Janeiro
MEZZO-SOPRANO – PAPEL DE MADDALENA
Denise de Freitas (participação especial) – São Paulo
BAIXO – PAPEL SPARAFUCILE
Mauro Chantal – Minas Gerais
BARÍTONO – PAPEL DE CONDE MONTERONE
Eduardo Sant’Anna – Minas Gerais
BARÍTONO – PAPEL DE MARULLO
Vinícius Atique – São Paulo
TENOR – PAPEL DE MATTEO BORSA
Thiago Soares – São Paulo
MEZZO-SOPRANO – PAPEL DE GIOVANNA
Carolina Rennó – Minas Gerais
BAIXO – PAPEL DE CONDE CEPRANO
André Fernando – Minas Gerais
MEZZO- SOPRANO – PAPEL DE CONDESSA CEPRANO
Aline Lobão – Minas Gerais
SOPRANO – PAPEL DE DAMA DE COMPANHIA DA DUQUESA (PAGEM)
Danielle Rocha – Minas Gerais
BAIXO – PAPEL DE USCIERE (OFICIAL DA CORTE)
Vinícius Abreu – São Paulo

Elencos das récitas
18 de outubro – Devid Cecconi, Gabriella Pace, Giovanni Tristacci
19 de outubro – Rodolfo Giugliani, Lina Mendes, Jean Nardoto
21 de outubro – Rodolfo Giugliani, Lina Mendes, Jean Nardoto
25 de outubro – Rodolfo Giugliani, Lina Mendes, Jean Nardoto
26 de outubro – Devid Cecconi, Gabriella Pace, Giovanni Tristacci
29 de outubro – Devid Cecconi, Gabriella Pace, Giovanni Tristacci

SERVIÇO


Grande Teatro do Palácio das Artes
Dias 18, 21, 25 e 29 de outubro, às 21h.
Dias 19 e 26 de outubro, às 19h.
Ingressos
- R$ 90,00 (INTEIRA) e R$ 45,00 (MEIA ENTRADA) 

- PREÇO PROMOCIONAL – Setores K, L, M e N da plateia superior no preço único de R$ 50,00
Classificação etária: 10 anos

Comentários