CONEXÃO RIO X BERLIM.

OSB recebe violinista Luíz Fïlíp, da Filarmônica de Berlim, para concertos na Cidade das Artes.


Único brasileiro a integrar a Filarmônica de Berlim, o violinista Luíz Fïlíp realiza dois concertos com a Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB) neste final de julho. No sábado, 25, às 20h, a OSB apresenta o segundo concerto da série Safira com a interpretação de concerto de Mozart e a continuação do Ciclo Bruckner. No domingo, 26, às 11h, o público confere o solista no Concerto da Juventude, com ingressos a R$ 1. Ambos os espetáculos ocorrem na Grande Sala da Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, e trazem o violinista solando o Concerto para violino n. 5 em lá maior, KV 219, de Mozart, também conhecido como Turco, com regência do maestro titular Roberto Minczuk. Os ingressos já estão à venda na bilheteria da Grande Sala da Cidade das Artes ou no site da Ingresso Rápido.
Concerto para violino n. 5 foi escrito em 1775 e é uma das peças para o instrumento mais apresentadas no mundo. “Impressionante pensar que Mozart escreveu todos os seus concertos para violino quando tinha apenas 19 anos, sendo este talvez o mais inovador. Estou feliz de voltar ao Rio de Janeiro, particularmente com esta obra com a qual tenho dedicado muitos anos de estudo e tenho uma profunda ligação”, declara Fïlíp.
Em seguida, Minczuk comanda os músicos na Sinfonia n. 8 em dó menor, dando continuidade ao Ciclo Bruckner, que homenageia o compositor austríaco. Bruckner se destacou como autor de sinfonias complexas e com alto grau de dificuldade tanto para o regente como para os músicos, levando a uma performance das mais interessantes sobre o palco. A obra, concluída em 1887, é a última peça completa do músico e é considerada um resumo de sua jornada sinfônica.
Concertos da Juventude
Na nona edição dos Concertos da Juventude deste ano, a OSB apresenta o programa A orquestra e um violino em foco. O concerto se inicia com interpretação das obras O boi no telhado, Op. 58, do compositor francês Darius Milhaud, e Le parole non dette, escrita pelo violinista da OSB, Angelo Martins, e que foi premiada no Concurso Internacional de Composição de Sofia, Bulgária. O concerto se encerra com a interpretação de Luíz Fïlíp do quinto concerto para violino de Mozart.

Sobre Luíz Fïlíp
Natural de São Paulo, Fïlíp reside na Alemanha desde 2001, onde é membro da Filarmônica de Berlim e do Ensemble Berlin. Na música de câmara, atua em parceria com nomes como Wilfried Strehle, Guy Braunstein, Daishin Kashimoto, François Leleux, Gilbert Audin e Amihai Grosz. Foi premiado nos concursos internacionais Tibor Varga, Henry Marteau e Gerhard Taschner, e estudou com Elisa Fukuda, Ulf Wallin, Guy Braunstein, Axel Gerhardt e Zakhar Bron. Luíz Fïlíp toca em um violino Lorenzo Storioni de 1774, pertencente ao Governo Alemão e oferecido pela Deutsche Stiftung Musikleben de Hamburgo.
Foto: Anja Collins

SERVIÇO:

Orquestra Sinfônica Brasileira
Roberto Minczuk, regente
Luíz Fïlíp, violino

Concerto série Safira
25 de julho, sábado, às 20h
W. A. Mozart – Concerto para violino n. 5 em lá maior, KV 219 – Turco
A. Bruckner – Sinfonia n. 8 em dó menor
Ingressos: R$ 20 (galerias), R$ 60 (frisas e camarotes) e R$ 100 (plateia), com descontos de 50% para maiores de 60 anos, menores de 21 anos, estudantes, pessoas com necessidades especiais e professores da rede estadual de ensino e associados do Plano IV do Programa Nossa Orquestra Brasileira; 30% para associados do Plano III do Programa Nossa Orquestra Brasileira; 20%para membros do Programa Travessa Leve, da Livraria da Travessa, Assinantes OSB e associados do Plano II do Programa Nossa Orquestra Brasileira; e de 10% para associados do Plano I do Programa Nossa Orquestra Brasileira. Os descontos são limitados a uma pessoa e não cumulativos.

Concertos da Juventude
26 de julho, domingo, às 11h

D. Milhaud – O boi no telhado, Op. 58
A. Martins – Le parole non dette
W. A. Mozart – Concerto para violino n. 5 em lá maior, KV 219 – Turco

Ingressos: R$ 1, disponíveis a partir de uma hora antes do início do espetáculo na bilheteria da Cidade das Artes

Grande Sala da Cidade das Artes (Av. das Américas 5.300, Barra da Tijuca – Rio de Janeiro; Tel.: 21 4003-1212)
Capacidade: 1.222 lugares
Classificação: livre
Estacionamento: R$ 10 por veículo

FONTE:  http://www.movimento.com/

Comentários