MELHORES E PIORES DE 2015 PELO BLOG DE ÓPERA E BALLET: MELHOR DIREÇÃO CÊNICA, CAETANO VILELA.




A ópera em 2015 teve um nome de grande destaque no Brasil, este fez verdadeiro milagres em títulos desconhecidos e pouco convencionais. Caetano Vilela tirou leite de pedra das óperas "Um Homem Só" de Camargo Guarnieri , "Ainadamar" de Osvaldo Golijov  e "O Homem dos Crocodilos" de Arrigo Barnabé. Direção cênica, figurinos, cenários e desenho de luz contaram com sua assinatura e ele imprimiu ritmo e excelentes sequencias cênicas em títulos modestos e com escrita musical pobre. Titulo mais que merecido, Bravo Caetano ! Abaixo seguem críticas sobre Caetano Vilela publicadas nesse blog: 

   "Um Homem Só e Ainadamar são excelentes devido a uma pessoa, Caetano Vilela assina a concepção, encenação e iluminação. Trabalha com diversos elementos modernos do teatro, mostrando agilidade e esbanjando criatividade. Em Um Homem Só distorce o cenário fazendo desfilar nele todo tipo de ambiente. A movimentação ágil dos cantores e uma luz que dialoga com as cenas só enriquecem a apresentação. Neurótico e repleto de dramas pessoais, assim é retratado José, um brasileiro simples que vive perdido entre seus dramas pessoais. 
   Ainadamar tem menos elementos, um tablado e dez portas são o cenário e mais uma vez a luz é comovente e faz parte das cenas. A leitura de Vilela é repleta de representações, onde o subjetivo toma conta das cenas e provoca a analise do espectador. Um relógio enorme, a lua e papéis que caem e o homem que anda e não vai a lugar algum são cenas que cada indivíduo pode fazer uma leitura pessoal e dizem muito. Vilela é um grande diretor, antenado com o mais moderno teatro em uma leitura que provoca sem perder a essência do texto.
  Quem tenta dar dignidade a uma partitura que deveria estar mofando em algum arquivo morto é o diretor cênico Caetano Vilela. Em suas mãos só caem encenações complicadas como "Ainadamar" e "Um Homem Só" no Municipal de São Paulo esse ano. Consegue com criatividade fazer do caos do texto e da música uma encenação criativa e inteligente. Onde você estava com a cabeça senhor Clodoaldo Medina ao programar essa inutilidade no Theatro São Pedro?" 

Ali Hassan Ayache

Foto Internet

Comentários