A CULTURA SEMPRE PAGA O PATO. ARTIGO DE ALI HASSAN AYACHE NO BLOG DE ÓPERA & BALLET.



  O ano começa com ar de ressaca  na área cultural, em todas as esferas do poder público ela sempre é tratada com desleixo. Em época de vacas gordas se destina minúsculas receitas à ela, quando as vacas emagrecem a área cultural é sempre a primeira a ver a tesoura cortar seu orçamento.
   Pipocam nos jornais e nas redes sociais notícias de cancelamentos. Em Curitiba a Oficina de Música foi cancelada, em São Jose dos Campos a Orquestra e o Coro Jovem da Cidade foram extintos com uma canetada, na OSESP as bolsas dos estudantes foram drasticamente reduzidas, no Theatro Municipal de São Paulo teremos somente duas óperas em concerto no primeiro semestre e o Theatro Municipal do RJ cancelou diversas apresentações ano passado e para esse ano as notícias são desanimadoras.
   Reflexo de uma sociedade que não preza pelo conhecimento cultural esses cancelamentos mostram-se desnecessários já que representam parcelas insignificantes do orçamento. Só para constar a receita da Orquestra de São José dos Campos representa apenas 0,09% do orçamento municipal. 
   A reclamação nas redes sociais e manifestações para barrar essas atrocidades é justa e deve ter apoio maciço de todos. Os cancelamentos e extinções ocorrem devido ao nível cultural de nossos políticos, quase sempre aquém do mínimo. Os culpados somos nós mesmos que os colocamos pelo voto direto em seus cargos. 
Ali Hassan Ayache  
 
   

Comentários